Mostra Mundi exibe artesanato e também trabalho social
    Produção de caixas em madeiras sinaliza melhores oportunidades para presidiárias e ainda ajuda difundir uma técnica francesa, a decoupage

     

     

     

    Cada diferente espaço a ser visitado na Mostra Mundi exibe não apenas a riqueza do artesanato de diferentes lugares do planeta, mas principalmente, a cultura, histórias de matérias-primas e seus valores históricos. Um exemplo é o espaço da França, que pode ser visitado até o final do mês, no Flamboyant Shopping.

    Além de propostas como funcionalidade, temática e tamanho distintos, as caixas em madeira sustentável, são resultado de um trabalho voluntário promovido por descendentes franceses na cidade de Cascavel (PR). Somada a riqueza de detalhes da técnica decoupage, o projeto inspira, já que parte da produção estrutural é feita por presidiárias, e a venda tem uma porcentagem revertida aos filhos das mesmas.

    Através de oficinas, elas aprendem a técnica, que chegou ao Brasil com os franceses entre 1850 e 1965. A arte de colar recortes, sobrepor imagens é uma influência herdada e, ainda hoje, mantida por familiares desses descendentes, numa ação social desenvolvida pela Arte Casa do Baú.

    O trabalho voluntário ajuda a manter e a preservar as tradições da época da imigração, já que a técnica vem passando de geração a geração. Também tem a proposta de sustentar famílias e gerar empregos. Isso ocorre, por exemplo, com a família de artesãos participantes da Mostra Mundi. Eles acompanham o processo de produção, todo feito à mão, e também atuam em eventos como a Mostra Mundi, que funcionam como uma vitrine para difundir e valorizar técnica junto ao público final.

    Além da arte manual francesa, a Mostra Mundi deste ano traz uma seleção de artesanatos da Índia, Paquistão, Filipinas, Dubai, Turquia, Peru, França e Tunísia. O evento é uma oportunidade para aprender mais sobre a cultura de lugares exóticos e até de ícones do turismo mundial, bem como o significado histórico das peças de artesanato, quase todas feitas à mão.